Return to site

E os benefícios fiscais?

No Brasil há uma complexa teia de benefícios fiscais – maiores e menores, com mais foco em projetos do que em organizações – e essa legislação sempre pode ser melhorada (por exemplo, pessoas físicas que doam para OSCIPs, entidades monitoradas pelo Ministério da Justiça não têm direito a benefício fiscal).  
Em outros países, o benefício fiscal é maior porque impostos (especialmente sobre herança são maiores), mas esse não é o tema. O diferencial é que as regras para aproveitar os benefícios são mais simples. Há menos tipos de benefícios que se aplicam para mais organizações.
O benefício fiscal só faz diferença quando você já está fazendo tudo o que pode - sem benefício - e quer fazer mais. No Brasil a doação deve aumentar muito antes dos benefícios fiscais serem o gargalo real. Acreditamos que mudar a cultura pode ter um efeito maior e, mudando a cultura, também fica mais fácil mudar as leis.
All Posts
×

Almost done…

We just sent you an email. Please click the link in the email to confirm your subscription!

OKSubscriptions powered by Strikingly